Falta de união entre áreas afeta transformação digital nas empresas, diz estudo

A TI é considerada culpada por 43% das empresas que fracassam na transformação digital, segundo estudo divulgado pela Economist Intelligence Unit (EIU), unidade de pesquisas da revista The Economist. No entanto, um outro dado que aparece no mesmo levantamento mostra a falta de sinergia nesse quesito: dois terços (66%) das empresas dos setores público e privado afirmam comprar novos softwares e soluções sem envolver as equipes de TI, o que desafia a função tradicional da TI como guardiã das novas tecnologias.
As descobertas do levantamento valem também para o universo das associações e entidades de classe. A pesquisa diz, por exemplo, que entre os motivos para a falta de colaboração entre os setores nas iniciativas de transformação digital está o desalinhamento de objetivos: as áreas de negócio priorizam o crescimento da receita e a redução dos custos, enquanto as equipes de TI dão preferência à integração e à segurança.
A pressão do tempo também aparece entre os fatores que dificultam a colaboração mútua. Entre os entrevistados, 37% citam a lentidão dos processos de compra conduzidos por TI como uma razão que os leva a não envolver a equipe de TI nessa tarefa.
O nível de colaboração se reflete na confiança com os resultados. As empresas em que existe colaboração entre as equipes estão muito mais confiantes para superar os desafios da transformação digital. Dos que dizem colaborar entre si, 89% afirmam estar confiantes para superar obstáculos, em comparação com 55% dos que não colaboram.
A pesquisa ouviu executivos da Europa, América Latina, América do Norte e Ásia-Pacífico. A BMC Software patrocinou o relatório.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta