Quatro lições para sua associação reter talentos – segundo o Facebook

É natural que as pessoas deixem seus empregos por causa de um mau administrador ou de uma empresa mal gerida. E isso também vale para o universo de profissionais que atuam nas associações e entidades de classe.
Mas, segundo um relatório do Facebook sobre funcionários que deixaram a gigante de tecnologia, as tarefas do cotidiano podem ser até mais decisivas para a perda de um colaborador do que as relacionadas à gestão. A empresa debruçou-se sobre as informações a respeito dos profissionais que haviam saído e as comparou com os dados sobre os funcionários que haviam permanecido – e percebeu claras diferenças nos dois grupos.
LEIA TAMBÉM:
Quatro dicas para um líder de associação ajudar sua equipe a lidar com o estresse
Três lições sobre eventos corporativos dadas por uma série da Netflix
Veja três dicas para manter os colaboradores de sua entidade motivados
As conclusões servem para gestores de diferentes áreas, como observa a revista Inc.. É por isso que é importante não apenas definir um trabalho quando um novo funcionário começa, mas também mudar parâmetros – quando adequado – para estimular e reter talentos.
Veja a seguir quatro estratégias elaboradas pelo Facebook para evitar a perda de profissionais. Elas também podem valer para a gestão de pessoas de sua associação:
1. Seja estratégico
Desenhe funções de trabalho tendo em mente as paixões do colaborador. Tornar o trabalho significativo para o profissional ajuda a promover o sucesso a longo prazo – e, em consequência, aumenta a fidelidade à empresa (ou à entidade).
2. Seja engajador
Converse com os profissionais recém-contratados para saber sobre seus valores, interesses e sucessos anteriores. Essas “entrevistas de boas-vindas” podem ajudar os gestores a criar modelos de trabalho atraentes.
3. Seja proativo
Use as descobertas da entrevista de boas-vindas para identificar oportunidades que aproveitem os pontos fortes e os interesses de um funcionário. Catalogue esses dados para que eles possam ser consultados por outros gestores.
4. Seja flexível
É preciso criar um ambiente de equilíbrio entre trabalho e vida pessoal que permita aos funcionários cuidar de assuntos pessoais. Isso, observa o Facebook, pode na verdade reforçar a dedicação e a lealdade dos funcionários.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta