Caio Blinder: as empresas ganham com transparência sobre seu passado

Quando contam a versão oficial de sua história, as empresas têm especial aversão sobre aspectos sórdidos dessa trajetória, como quando elas tiveram alguma relação com a escravidão ou com o holocausto. Montadoras americanas como Ford e General Motors, por exemplo, já contrataram historiadores e abriram seus arquivos para entender que papel elas tiveram durante a Segunda Guerra.

OUÇA TAMBÉM:
Caio Blinder: empresa Patagonia tem lucros e reputação nas alturas
Caio Blinder: Microsoft escapa do fogo cerrado contra o setor tech

Em um caso revelado em outubro, Roland Berger, dono da Roland Berger Strategy Consultants, a maior empresa de consultoria corporativa da Alemanha, decidiu, aos 81 anos, contratar dois renomados historiadores para saber qual foi o real envolvimento de seu pai com os nazistas. A medida foi tomada depois de o tema ser divulgado pela imprensa.

Todos têm a ganhar quando as empresas decidem colocar em pratos limpos episódios do passado, por mais vexatórios que sejam. Ouça em nosso podcast o comentário de Caio Blinder sobre o tema.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta