Redes sociais: quais "conversam" com o maior número de pessoas

Há alguns anos, dizer que uma empresa tinha a certificação ISO era um grande diferencial. E não estamos falando sob a ótica interna da empresa e dos seus sistemas de qualidade, conceito que está no centro das normas da ISO, mas sim do que tal chancela agregava de valor ao ambiente externo e aos vários stakeholders da empresa. Algo semelhante se deu com o Serviço de Atendimento ao Cliente,  o SAC. Dizer que determinada empresa tinha um serviço voltado para o consumidor, com uma linha gratuita para receber reclamações, sugestões ou críticas, era fazer a diferença no setor de bens de consumo, por exemplo. Hoje, ter padrões e sistemas de gestão de qualidade, bem como áreas voltadas especificamente para o consumidor já deixaram de ser algo inovador e fazem parte da base de qualquer negócio. E com as redes sociais não é diferente. Estar presente no ambiente virtual e interagir com os diversos públicos de interesse não é uma opção, tampouco algo inovador: é praticamente uma obrigação de quem quer sobreviver no mercado, seja uma empresa, entidade ou associação. Além dos canais proprietários das entidades e associações – portais, sites e canais – há uma infinidade de outras redes sociais, reunindo milhões de pessoas em todo o mundo. Associações Hoje traz abaixo um ranking com as 10 maiores redes em número de usuários globalmente.
infografico_redessociais
 
O ranking foi feito a partir dos dados do portal de estudos e estatísticas Statista

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta