Diretores financeiros têm maior nível de otimismo em um ano

Leia também

O otimismo se consolidou entre os executivos financeiros. A informação faz parte do levantamento trimestral feito pela Saint Paul Escola de Negócios e o IBEF-SP (Instituto Brasileiro de Executivos de Finanças), que na sua quinta edição revelou um índice 40% superior ao do primeiro trimestre do ano passado. Os três primeiros meses de 2017 apresentaram um padrão relevante de otimismo: os três componentes do índice (ambiente macroeconômico, setor e empresa) apresentaram resultados acima de 100 pontos (neutralidade), indicando um otimismo generalizado pelos CFOs. Ainda de acordo com o estudo, a reversão para expectativas otimistas ocorreu recentemente, no quarto trimestre do ano passado. O maior aumento foi verificado no índice que mede o sentimento desses executivos em relação ao ambiente macro. Verifica-se uma forte retomada da confiança na economia brasileira ao longo desse período, o que se reflete em uma melhora generalizada nas perspectivas quanto a diversos indicadores, como PIB, inflação, taxas de juros e outros.
Pela primeira vez, desde o início da pesquisa, nenhum CFO da amostra indicou expectativa de queda do PIB. E a expectativa média para os próximos 12 meses em relação às demais variáveis macroeconômicas apresentaram relevantes melhoras: inflação de 4,7% (ante 5,6% na edição anterior), câmbio a R$ 3,20 (ante R$ 3,40), Selic a 9,5% (ante 11,3%) e crescimento de 0,6% no PIB (ante aumento de 0,1%).
Apesar da melhora no otimismo dos CFOs quanto à macroeconomia, os respondentes continuam preocupados com a demanda do mercado interno, que apresentou 17,3% na frequência de respostas, ante 24,3% no trimestre anterior. Competitividade e aspectos regulatórios seguem como focos de preocupações, apresentando representatividade elevada assim como em edições anteriores da pesquisa.

- Publicidade -

Outras notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -

Mais recentes

#NãoVolte: CEOs defendem que mundo não volte a ser como antes da pandemia

Um grupo de quase 50 líderes empresariais brasileiros, entre os quais estão mais de 30 CEOs, aderiu a uma campanha internacional que defende que...

O que coloca São Paulo entre os 100 maiores polos científicos do mundo

São Paulo está entre os 100 principais polos de produção científica do mundo, segundo um novo ranking, publicado neste início de setembro. A lista é um...

Filantropia aumenta a desigualdade em vez de reduzi-la, diz novo livro

A filantropia nunca foi tão intensa no mundo quanto nos dias de hoje, mas, em vez de ajudar a reduzir a distância de renda...

Carlos Brito, da AB InBev: os três pilares da liderança corporativa

Após mais de uma década, Carlos Brito pode estar perto de encerrar sua trajetória como principal executivo da Anheuser-Busch InBev. O Financial Times informou nesta...

As diferenças entre o boom de IPOs de 2020 e o de 2007

Se o ritmo atual se mantiver, o mercado de capitais brasileiro deve registrar um volume recorde de lançamentos de novas ações na B3. Nesta...