Pedidos de falência acumulam queda de 8,4% no ano

Os pedidos de falência caíram 8,4% no acumulado do ano até maio, em relação ao mesmo período de 2016, segundo dados com abrangência nacional da Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito). Mantida a base de comparação, as falências decretadas recuaram 7,0%, enquanto para os pedidos de recuperação judicial e recuperações judiciais deferidas houve quedas de 21,7% e 18,1%, respectivamente.  A tabela 1 resume os dados.
Conforme a expectativa da Boa Vista SCPC, os indicadores de solvência continuam apresentando desaceleração quando observados pelos valores acumulados em 12 meses. Diante disto, uma vez superado o período de restrição ao crédito, redução do consumo, entre outros fatores, espera-se para os próximos meses uma recuperação mais intensa dos caixas das empresas, com uma atividade econômica mais acelerada, juros menores e inflação módica.
O indicador de falências e recuperações judiciais é construído com base na apuração dos dados mensais registradas na base de dados da Boa Vista SCPC, oriundas dos fóruns, varas de falências e dos Diários Oficiais e da Justiça dos estados.
boavista

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta