“Geração Instagram” faz empresa suíça apostar em chocolate em impressora 3D

Leia também

A empresa suíça Barry Callebaut, uma das maiores fabricantes de chocolate do mundo, acaba de anunciar sua primeira impressora 3D com capacidade para produzir em larga escala. Batizada de Mona Lisa, a máquina será capaz de fabricar milhares de chocolates ao mesmo tempo.

Inicialmente, a tecnologia será testada na Espanha. O primeiro chocolate produzido na impressora deve ser lançado nos próximos meses. “Flor de Cacao”, como ele será conhecido, é uma criação do renomado chef espanhol Jordi Roca.

LEIA TAMBÉM:
Cervejeiras vão se afastar da cerveja? Em novo relatório, a Nielsen diz que sim
Alheios ao ceticismo, apps pagos ganham espaço com receitas que só crescem
Só o uso intensivo de dados permite o sucesso de um produto? A Disney discorda

Segundo a revista Forbes, essa é a primeira vez que a indústria usa uma impressora 3D para produzir chocolate em larga escala. Antes do anúncio da Barry Callebaut, já havia testes em andamento no mercado, mas sempre em pequenas proporções.

No curto prazo, a Barry Callebaut vai fabricar o doce em formatos como os de coelhos e flores, já antevendo a demanda de datas como a Páscoa. Segundo a companhia, a impressora permitirá dar ainda mais detalhes ao chocolate. A ideia é que o maquinário seja usado para fechar parcerias com outras empresas.

Pablo Perversi, diretor de inovação e sustentabilidade da Barry Callebaut, disse à Forbes que o principal objetivo da nova tecnologia é agradar a consumidores das novas gerações. “Hoje, tudo gira em torno da experiência e das comidas ‘instagramáveis'”, afirmou ele. “Vivemos na era da personalização.”

- Publicidade -

Outras notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -

Mais recentes