Nespresso fecha parceria com Faber-Castell para ampliar ações de sustentabilidade

Leia também

Até pouco tempo acusada de gerar muitos resíduos com suas cápsulas, a Nespresso tem investido fortemente em reciclagem e em ações de sustentabilidade e promete que, até o ano que vem, todas as xícaras de café da marca serão neutras em carbono. Para ajudar neste processo, fechou uma nova parceria com a Faber-Castell.

Além do programa tradicional de reciclagem da Nespresso, nesta parceria o consumidor será incentivado a dar um novo uso para as cápsulas, a partir de uma abordagem em que serão apresentado lápis da Faber-Castell produzidos a partir de madeira de reflorestamento certificada FSC (Forest Stewardhip Council – Certificação florestal internacionalmente reconhecida).

O pack de Edição Comemorativa “Nossas Ações Dizem Tudo”, desenvolvido em parceria com a FutureBrand São Paulo, reafirma o compromisso das marcas com a sustentabilidade e a importância da preservação do meio ambiente, além de ser um convite aos consumidores para unirem-se ao movimento sustentável. Com a iniciativa, não apenas os apaixonados por café e arte como também o público em geral, estão convidados a aderirem ao conceito do UpCycling, dando uma segunda vida para a embalagem ao personalizá-la com cores. Ao final dessa experiência lúdica e criativa, o consumidor terá a sua própria obra, e poderá compartilhar o seu resultado final nas redes sociais com a hashtag #ComTodoOCuidado.

“A união das duas marcas materializa os compromissos da Nespresso e da Faber-Castell com a sustentabilidade, estamos muito orgulhosos dessa parceria. A collab integra a campanha global Com Todo o Cuidado, que a Nespresso lançou este ano e que evidencia o poder transformador da arte e o cuidado com o meio ambiente. Recentemente convidamos o grande nome da arte contemporânea brasileira Eduardo Kobra para uma intervenção que resultou em uma obra desenvolvida com com materiais que foram ressignificados, como por exemplo a cápsula reciclada, gerando uma reflexão sobre a importância do reuso de materiais”, explica Monica Lopes, diretora de Marketing da Nespresso no Brasil.

As duas empresas já possuem programas de sustentabilidade. A Nespresso pretende ser uma empresa carbono zero com iniciativas como redução da emissão de carbono com uso sustentável de energia na cadeia de valor e aumento da circularidade dos produtos e embalagens, insetting, com plantio de árvores nas fazendas das quais a Nespresso adquire café e arredores e offsetting, com suporte e investimento em projetos de compensação de carbono de alta qualidade. Até 2022, todas as xícaras de café Nespresso serão neutras em carbono.  

Atualmente, 100% dos fornecedores de café do Brasil também fazem parte do Programa Nespresso AAA de Qualidade Sustentável™️, desenvolvido em 2003 em parceria com a Rainforest Alliance, para fornecer aos produtores conhecimentos e técnicas que os apoiem na produção de um café de alta qualidade, utilizando práticas sustentáveis e também contribuindo para sua qualidade de vida. E a empresa tem um projeto para restaurar 277 hectares da floresta de Mata Atlântica, em parceria com a Fundação SOS Mata Atlântica e tem um programa de reciclagem que tem o potencial de atingir 100% de seus clientes.

Já a Faber-Castell é a única empresa do mundo a plantar árvores para produção de madeira dos seus EcoLápis, com certificação FSC®️ (Forest Stewardship Council – Certificação florestal internacionalmente reconhecida). A empresa cultiva cerca de 20 metros cúbicos de madeira por hora no Brasil e um terço de suas florestas próprias permanecem intocadas, abrigando cerca de 660 espécies endêmicas de animais e plantas.

O Grupo Faber-Castell também trabalha na redução do uso de plásticos ou na sua substituição por alternativas recicladas. As florestas da empresa absorvem mais de 900.000 toneladas de dióxido de carbono (CO2) da atmosfera. Servindo não apenas como uma fonte sustentável de matéria-prima, mas também para compensar 100% da pegada de carbono das unidades de produção em todo o mundo. 

“Sustentabilidade é uma grande preocupação para a Faber-Castell, desde sua criação. Há quatro décadas, iniciamos diversas pesquisas sobre o plantio de árvores próprias para a produção do lápis de forma sustentável. Todo o nosso ciclo produtivo evolui constantemente para incorporar cada vez mais práticas social e ambientalmente responsáveis. Por isso, é tão gratificante para nós realizarmos esta collab com a Nespresso. Acreditarmos que juntos podemos impactar e inspirar outras empresas e consumidores a fazerem a sua parte”, comenta Flavia Giordano, Diretora de Marketing da Faber-Castell.

A Nespresso investe mais de R$ 5 milhões por ano em ações relacionadas a reciclagem. As cápsulas usadas são encaminhadas ao Centro de Reciclagem da marca, que fica em Osasco, região metropolitana de São Paulo, para separação mecânica da borra de café e do alumínio sem a utilização de água. Já a Faber-Castell, líder mundial em produção de EcoLápis com 2 bilhões ao ano, é a única empresa do mundo a plantar árvores para produção de madeira dos seus EcoLápis, com cerificação FSC® (Forest Stewardship Council – Certificação florestal internacionalmente reconhecida). 

Além disso, a empresa trabalha na redução do uso de plásticos ou na sua substituição por alternativas recicladas. As florestas da empresa absorvem mais de 900 mil toneladas de dióxido de carbono (CO2) da atmosfera. Servindo não apenas como uma fonte sustentável de matéria-prima, mas também para compensar 100% da pegada de carbono das unidades de produção em todo o mundo.

- Publicidade -

Outras notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Publicidade -

Mais recentes